Poeta Carvalho Neto
De Poesia ninguém morre... se vive!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos



Rapsódia do Paraíso...Eva, a Maçã e a Serpente
 
Em minha perspectiva do '‘paraíso’',
Tu me preenches plenamente…
És tudo a um só "juízo",
Eva, a maçã e a serpente.
 
          E dessa Eva que tanto desejo,
          Tens os olhos oblíquos de Capitu,
          Tortos e infinitos são teus beijos,
          Fecundos me levam a tu.
 
Da maçã tens a carne e o sumo,
O cheiro intenso e o sabor,
Se perto, me mostras o rumo,
Se longe, me levas à dor.
 
          Da serpente venenosa e lasciva,
          Anseio o paraíso e o céu,
          Nos meus braços te faço mais viva,
          No teu corpo me perco ao léu.

 
( Carvalho Neto)



HOMENGEM AOS SIMBORAS
 
PS: É um texto diferente de tudo o que já fiz antes, inclusive na sua construção... feita em etapas distintas. Fica como experiência. Foi inspirado no personagem "Capitu", do épico romance Dom Casmurro, cujo autor é o maior escritor brasileiro em todos os tempos - Machado de Assis.

A imagem que adorna o texto foi retirada do Google.

 
Poeta Carvalho Neto
Enviado por Poeta Carvalho Neto em 08/03/2017
Alterado em 07/10/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários