Antônio Carvalho Neto
De Poesia ninguém morre... se vive!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos



Um Homem e uma Mulher


Um homem e uma mulher...
Escrevem o tudo e o nada,
Numa relação atiçada...
Ele o amante, ela a amada.

Na curvatura do côncavo...
Ou na agudez do convexo,
Espelham a luz da lua,
E o mais profano do sexo.


Iguais a dois animais,
Juntos ou sozinhos...
Fortes ou franzinos,
Percorrem um mesmo caminho.

São como paredes nuas,
Ou tortuosas ruas,
Estradas viscerais cruas...

Um é segredo, outra o mistério.
 


Post Scriptum

 
Fazer um poema sempre foi meio complicado e difícil para mim. Às vezes, vem num estalo, como é o caso. E, um poema com uma proposta sensual sem ir ao fundo do poço, acho ainda mais difícil... Bem, está aí!

Ps: O "Po(é)meu" tem a carinha da grande poetisa e cronista do Rl, Rosa Alves... espero que goste minha querida amiga!





 
Antônio Carvalho Neto
Enviado por Antônio Carvalho Neto em 04/01/2018
Alterado em 07/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários