Antônio Carvalho Neto
De Poesia ninguém morre... se vive!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


 
Óia o trem das Geraes 
 
Lá distante vem o trem,
O trem que já vem,
Vem trazendo o meu bem,
Paradeiro vem o trem.
 
Fumegante vem do além,
Vem, vem, vem que vem,
Vem trazendo o meu bem,
Vem, vem, vem o trem.
 
Vem trem-passageiro,
Na tubada... vem ligeiro,
Traz meu amor primeiro,
Vem trem... trem-cargueiro.

Blém-blém, blém-blém,
Óia o apito do trem,
Vem trazendo o meu bem,

A alegria também vem.


É o trem das Geraes,
Seu maquinista o Trovador,
O mensageiro da paz,
Alquimista do amor.


 
Post Scriptum

 
 
Dia 06 de março de 2017, recém-chegado ao RL, postei um causo, cujo título e linguagem utilizados no texto são bem característicos do interiorzão piauiense... "Issu num Vai Ficá... só Nissu... Não".

No texto procurei retratar um pouquinho da cultura e das crendices típicas do sertão nordestino. E como  protagonista criei "Almizão", que vive atormentado pelos ciúmes de sua esposa "Francinete".

Imaginei que ninguém iria gostar do "causo" ou mesmo que passaria despercebido por todos os colegas recantistas. Naquela época, além de ser totalmente desconhecido no site, não era crível receber qualquer elogio com uma escrita tão caipira.

Mas, para minha surpresa, eis que alguém entra em minha página, dizendo: "O trem partiu antes do combinado, só para dizer que vou virar cativo dos seus causos. Um abraço."

Fiquei maravilhado. Disse a mim mesmo: "Puxa... meu texto agradou a alguém. E ainda disse que iria ficar cativo dos meus causos". Suas palavras se tornaram combustível para que eu pudesse continuar a escrever no RL.

E quem era esse alguém? Fiquei curiosíssimo. Fui a sua escrivaninha e descobri um dos mais notáveis, talentosos e versáteis do RL. Era o tal de "Trovador das Alterosas".

O cara que joga nas 11. Faz tudo com criatividade e bom-humor... É músico, contista, cronista, ensaísta, roteirista, ativista, poeta e, obviamente, TROVADOR. Enfim, um GIGANTE da literatura recantista e brasileira ... "O Rei das Interações". Um "artesão das letras", cuja vitalidade literária nunca tinha visto antes.

Destarte todas as suas qualidades evidenciadas neste post e mais outras tantas que possui e não foram ditas, esse genial escritor mineiro, Valdemiro Perroud Mendonça, despedaça o coração das recantistas, causando espanto e ciúmes na marmanjada.

Pois bem... amigos... o Trovador hoje é meu compadre querido e meu grande tutor no mundo da literatura. É ele que identifico como sendo a minha maior motivação em ser um recantista. 

OBRIGADO COMPADRE MIRO... você é o "THE BEST OF THE BEST" !!!

 
Antônio Carvalho Neto
Enviado por Antônio Carvalho Neto em 21/04/2018
Alterado em 22/06/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários